Imageamento aéreo para agricultura de precisão

Tecnologia dos drones agrícolas tem beneficiado o trabalho no campo

O trabalho agrícola está cada vez mais automatizado e os Veículos Aéreos Não Tripulados (VANTs) são peças-chave para o avanço no setor. Com eles, o agricultor pode desempenhar diversas funções na fazenda, como acompanhar o desenvolvimento da plantação remotamente sem a necessidade de percorrer todos os hectares por vias terrestres. O imageamento aéreo com ajuda dos drones agrícolas já é realidade em muitas lavouras e tem apresentado inúmeras utilidades.

Além dos benefícios que a tecnologia oferece, os VANTs também são capazes de apresentar resultados superiores ao imageamento tradicional feito por satélites. Pois não sofrem com a interferência de nuvens e capturam imagens com resolução melhor do que as geradas pelo satélite. Os drones agrícolas, equipados com câmeras e sensores diversos, sobrevoam abaixo das nuvens e registram dados com maior qualidade e rapidez.

A tecnologia dos drones pode ser aproveitada de diversas formas. Alguns dos produtos gerados pelo imageamento aéreo e sensoriamento remoto feito por VANTs: 

  1. Identificação de doenças, pragas e ervas daninhas

Com o imageamento da plantação, é possível detectar a presença de doenças nas plantas, manchas na cultura, falhas no plantio, entre outros. As imagens, aliadas a softwares para análises, possibilitam que o agricultor tome decisão mais rápidas e assertivas.

Conheça nossos melhores drones para identificação de pragas e doenças

2. Estresse hídrico:

Os drones agrícolas possuem diversos tipos de sensores, como RGB, multiespectrais e térmicos ou até mesmo hiperespectrais, que a partir do imageamento podem identificar quais partes de um campo sofrem com a falta de recursos hídricos ou precisam de melhorias. Com um único sobrevoo é possível obter um diagnóstico de toda área, calculando: a) índices vegetativos diversos, que descreve a densidade relativa e a saúde da cultura; b) assinaturas térmicas, ou seja, a quantidade de calor que o dossel da cultura está emitindo, entre diversos outros dados relativos à saúde da lavoura.

3. Demarcação do plantio

Através do levantamento aerofotogramétrico de um talhão, é possível realizar o melhor projeto de aproveitamento do solo e linhas de plantio para que o agricultor possa obter resultados mais eficientes no processo de plantio.

4. Acompanhar o desenvolvimento da safra

Saber se a lavoura está se desenvolvendo como o esperado se tornou mais fácil com o uso dos drones. Ao realizar o imageamento com determinada frequência (semanalmente, por exemplo) para capturar imagens, é possível fazer uma análise para compará-las cronologicamente e, assim, detectar problemas de crescimento e produtividade.

Conheça nossa metodologia para evitar o desperdício de insumos

Com um Veículo Aéreo Não Tripulado é possível acompanhar a colheita, rever o plantio e conferir a capacidade de produtividade da plantação. Ficou mais fácil para o agricultor percorrer toda a lavoura com a ajuda dos drones agrícolas, pois eles são capazes produzir de forma semi-autônoma imagens e mapas da área das propriedades com eficiência e rapidez. Isso significa economia de tempo, aumento de rendimento das safras e, consequentemente, melhora nos lucros. 

A Santos Lab traz o que há de mais inovador quando o assunto é VANT. Entre em contato conosco e escolha o equipamento certo para ter os benefício do imageamento na sua lavoura.

RECEBA MAIS INFORMAÇÕES

Compartilhe este post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *